2019

Resultado de imagem para ano novo

Use o branco da paz nas páginas novas que 2019 está trazendo para você. Não volte a suja-las com o ódio, com o rancor, com a raiva, com a inveja, acabe com tudo isso, e cuide das sementes que planta no coração, pois la esta o ano novo cochilando, quase despertando.

Use o azul do Alto no primeiro dia de 2019 para a serenidade, para a tranquilidade, para a harmonia, e preencha seu ser com a paz que vem de la, com a certeza que os próximos 28, 30 ou 31 dias serão bênçãos diárias.

Use o amarelo do sol para iluminar 2019 com a luz da gratidão, e apreciar a paisagem ao seu redor nos 365 dias presenteados para você.

Use o vermelho para pintar de amor 2019, e passear, beijar, brincar, amar, correr, pular, viver, espalhar, compartilhar o que guarda em seu interior pelos meses afora.

Use a cor que você quiser, seja como os as cores, onde o vermelho do amor se junta com o branco da paz, com o amarelo do sol, com o azul do Alto, e encontra todas as outras cores para formar o mais belo espetáculo no céu: O ARCO-IRIS.

E, viva 2019 no maior espetáculo reservado para você todos os dias a cada amanhecer.

FELIZ FAZER DIFERENTE!

FELIZ FAZER NOVAMENTE!

FELIZ FAZER CORRETAMENTE!

FELIZ FAZER QUE O SEU JEITO DE VIVER MELHORE O SEU VIVER.

FELIZ 2019.

 

 

 

 

Anúncios

A PRIMEIRA VEZ QUE VI DEUS!

download

Quantas pessoas possuem o desejo de alcançar Deus? As vezes se sentem bloqueadas, e não conseguem seguir o caminho que leva até Ele. Indagações surgem na mente, a todo tempo. Qual o tamanho de Deus? Consigo vê-lo daqui? A vida passa, e continua questionando sem saber as respostas.

Eu vi Deus assim que abri meus olhos, e deparei com seu olhar.

Eu vi Deus quando minhas pequenas mãos tocaram a sua.

Eu vi Deus a primeira vez que me alimentou.

Eu vi Deus quando seus lábios minha face tocou.

Ver Deus é um hábito que você me ensinou.

Ver Deus é o primeiro ato do meu despertar.

Ver Deus é a gratidão no coração a me direcionar.

Ver Deus é a oração que faço no nosso conversar.

Mostrei Deus quando meu ventre foi iluminado com um bebê ainda recém-formado.

Mostrei Deus quando um novo ciclo começou.

Mostrei Deus quando meus olhos com o seu deparou.

Mostrei Deus quando minhas mãos a sua pegou.

Mostrei Deus a primeira vez que do meu leite você tomou.

Mostrei Deus quando meus lábios na sua face esbarrou.

Deus está a cada dia a nos ensinar.

Deus está quando quer nos acordar.

Deus está a nos guiar.

Deus está no nosso falar.

Deus está, estará sempre que um novo ciclo recomeçar.

Então, por favor para de indagar, e começa com Ele a se encontrar.

A cada manhã, quando Ele quiser lhe acordar.

No seu ventre soprar.

E você se por a ensinar.

O novo Ser que para Ele vai voltar.

Sem antes aqui deixar. o legado para o seu Reino não findar.

 

 

 

 

INSPIRAÇÃO!

 

images

 

Escrever é oferecer algo de precioso a outra pessoa.

Se alguém me perguntar: “Qual seu estilo?”

É a inspiração do momento. De qual momento? Daquele instante que as palavras saem direto do coração, e começam a transitar pela mente como letras brilhantes que ficam pulsando o tempo todo.

Sem saber se é dia ou meio-dia. Sem saber se é noite ou meia-noite. Não tem uma hora perfeita para exteriorizar tão divina inspiração.

 

 

 

LUZ!

76932469-abstract-golden-light-shiny

Elimine a escuridão.

Espalhe a luz.

Ilumine o outro.

Não seja egoísta guardando tudo pra você.

A luz foi feita para iluminar.

Todos os dias Aninha ouvia essas frases que vinham direto do coração para sua mente. Mas Aninha ignorava todas, fazia de conta que não era para ela. Pois o que pretendia era manter a luz escondida.

O mais alto que Aninha enxergava em sua vida era a luz do poste, a luz elétrica. Aquela que ilumina por partes. Se logo ali na frente não houver outro poste você atropela, passa por cima de outra pessoa.

Aninha não tinha ideia que a luz brilhava dentro dela como um candeeiro, que ilumina toda rua, todo canto, e não deixa ninguém na escuridão. Alguém precisa alertar Aninha para saber tamanha dimensão da luz que vem das estrelas, a luz natural que precisa ser dissipada pelos quatro cantos do mundo. Alguém precisa contar para Aninha que a luz artificial que ela  mantém sua atenção é importante para auxiliá-la na escuridão da noite, na sua vivência, e na estratégia de convivência.

Acho que não vai adiantar, Aninha precisa acordar, e primeiro entender o que é a luz dentro do seu coração.

Tem que ser luz no mundo que caminha na escuridão.

Manter sua luz apagada não ajuda em nada.

Coração nas trevas, na escuridão não mostra tamanha podridão.

Desejo que onde Aninha esteja espalhe a luz do seu coração para cada irmão.

Aninha essa luz não é sua, vem das estrelas, e com ela você pode eliminar, espalhar, iluminar. Desperte rápido, sai do egoísmo, acorde para a vida que está em você.